TRABALHO DE CONCLUSÃO DO 
CURSO DE CAPACITAÇÃO EM ACOMPANHAMENTO TERAPÊUTICO 2013

Um projeto terapêutico para a personagem: Ted


Aluna: Roberta Gulo Carlos Mantoani

 

Ted quando criança se tornou um grande companheiro e amigo de John. O Ted do título é um ursinho de pelúcia que ganha vida após o desejo do solitário e jovem John. Ele não tinha amigos e precisava de uma companhia. Viviam a maior parte do tempo juntos, se tornando cada vez mais dependentes um do outro. Quando ficam adultos, Ted com 27 anos tornam dois relaxados, que passam boa parte do tempo fumando maconha, bebendo cerveja e falando palavrões. Mesmo tendo um trabalho, eles sempre que possível procuram um motivo para escapar para as festas. Porém, a namorada de John preocupada com o relacionamento dos dois e as irresponsabilidades do namorado, resolve ajudá-lo tentando afastá-lo de Ted para que se ambos tornem independentes.
Mas, com esse distanciamento e preocupado com Ted, devido à dependência dos dois. John decide buscar ajuda para o amigo em uma clinica de Acompanhamento Terapêutico, para que o mesmo se torne independente e responsável e, conseqüentemente consiga lidar com as escapadas paras festas e uso de drogas.
PROJETO TERAPÊUTICO
Após o primeiro contato da AT com Ted e John para conhecer o dia a dia de Ted e, a partir do vínculo estabelecido, a AT estabelece o seguinte projeto terapêutico para Ted.
 Criar um cronograma de atividades realizadas por Ted, estabelecendo as quantidades de festas que poderia ir durante a semana e cumprindo o horário de trabalho durante o período diurno, para que não abandone o trabalho durante o dia como fazia para ir festejar. Com isso Ted poderá aumentar suas responsabilidades e compromissos.
Outro tema a ser trabalhado com Ted é seu relacionamento com várias mulheres e a dependência de John, tentando ajudá-lo a conquistar uma namorada, com o intuito de se comprometer com outra pessoa além de John, diminuindo assim as saídas para as festas, o consumo de maconha e bebidas alcoólicas, combinando saídas para lugares diferentes de costume para que sua rotina não seja somente de trabalho.  
Além disso, a acompanhante terapêutica irá propor a Ted a participação de psicoterapias de grupos para dependentes químicos, como Alcoólicos Anônimos e CAPS, auxiliando-o no manejo e redução de danos da dependência química.
Sendo assim, fica acordado entre AT e Ted encontrarem-se uma vez por semana após o horário de trabalho.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *